Duas companhias de teatro da Zona Oeste abriram suas cortinas com peças dedicadas ao público infantil.
Pelo oitavo ano consecutivo, a peça “O Ilha do Tesouro”, do Teatro do Centro da Terra, segue temporada até o mês de julho. É um jogo no palco. As crianças atuam na peça, viram comandantes de navio ou simples tripulantes para enfrentarem os piratas, que também estão atrás do “tesouro perdido”. Pais, avós e outros acompanhantes podem ajudar os pequenos na aventura. Não é permitida a participação de menores de sete anos. Em 2005, a peça recebeu o prêmio de melhor direção de teatro infantil pela Associação Paulista dos Críticos de Arte – APCA.
No dia 24 de fevereiro, o grupo de teatro Canto Cidadão realiza apresentação especial das peças “Azulino e Ipê Popó” e “Dentonaldo”. Os espetáculos valorizam a linguagem do teatro de bonecos. Nas histórias de Azulino e Ipê, as personagens representadas pela arara-azul, a árvore e o ser humano tentam mostrar a importância da preservação do meio ambiente. A peça “Dentonaldo” fala sobre saúde bucal e amizade. Na apresentação, a plateia é convidada a interagir com o espetáculo. O evento contará com a presença dos voluntários Doutores Cidadãos – palhaços que atuam em hospitais – para recepcionar as crianças.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA